Origem dos Serviços Domésticos



A origem do serviço doméstico se confunde com a origem dos lares, da ocupação do homem na terra e da necessidade de organização e arrumação desses lares. Não podemos dizer ao certo quando esse serviço começou a ser feito, mas a primeira forma dele está diretamente ligada ao sistema escravocrata de trabalho. Desde os tempos da Grécia antiga e dos faraós egípcios, o trabalho doméstico vem sendo feito por escravos ou empregados no mundo todo.

No Brasil, historicamente, essa relação é demonstrada primeiro através das kunhãs (mulheres indígenas que no início da colonização auxiliavam os europeus - novos moradores da terra - nos cuidados domésticos e no entendimento da terra e seu cultivo) e logo depois, com as africanas trazidas pela escravidão, melhor adaptadas ao serviço (comparadas à rebeldia do povo indígena), chamadas mucamas.

Panorama

Hoje, o serviço da empregada doméstica não mais se compara aos tempos escravocratas. Sua presença é fundamental para o bom funcionamento dos lares e, através dos tempos, essa relação passou até dos moldes empregatícios tradicionais - muitas assistentes domésticas são consideradas como membros das famílias que elas cuidam e acompanham ano após ano.

Além disso, o status da categoria atingiu também elevação econômica: muitas das empregadas domésticas hoje recebem salários altíssimos, falam mais de uma língua e têm condições de escolha em sua profissão - trabalhar durante o dia ou à noite, em apenas um setor (cozinha ou arrumação ou lavanderia...), no Brasil ou no exterior e etc. 

Portanto, atualizar-se através de cursos específicos aumenta a possibilidade de sucesso na profissão, trazendo maiores probabilidades de crescimento no caminho do profissionalismo doméstico.

Um dos diferenciais da empregada doméstica pode ser dentro da cozinha, com a especialização em forno e fogão. Atualmente, um bom profissional de cozinha recebe destaque na concorrência com outros profissionais. Ter condições de assessorar as refeições diárias de uma família engrandece a importância da empregada doméstica, trazendo o crescimento progressivo desse profissional.

Portanto, lembre-se: o trabalho da cozinheira doméstica é crucial para o bom funcionamento dos lares, sendo que sua função é fundamental e importantíssima para a sociedade. Tenha orgulho do seu papel!

Supervisão Geral do Abastecimento / ABAST

Nenhum comentário:

Postar um comentário