Pescados


Pescado é o termo que se refere a todos os peixes e frutos do mar destinados à alimentação humana.

Os peixes frescos devem estar armazenados em balcões refrigerados e em contato com o gelo. As vitrines devem estar em bom estado de conservação e devem permanecer com as portas fechadas.

Exija que o peixe seja filetado ou cortado em postas na hora da compra.
Assim há possibilidade de verificar a qualidade do peixe.

A qualidade do peixe depende do tempo em que está armazenado. E observar algumas características no momento da compra, auxilia a identificar se o peixe está realmente fresco. Siga as dicas:

Pescado Fresco:

Pele brilhante, úmida, tonalidade viva, sem lacerações.
Escamas unidas entre si, fortemente aderidas à pele, translúcidas e com brilho.
Carne firme, elástica e aderida aos ossos.
Opérculo (membrana que reveste guelras) rígido, deve oferecer resistência a sua abertura.
Guelras róseas ou vermelhas, úmidas e brilhantes.
Órgãos internos bem definidos; odor suave.
Olhos salientes, transparentes e brilhantes.
Odor suave ou ausente

Pescado Deteriorado

Pele pálida e sem brilho
Escamas soltam-se facilmente, são opacas e sem brilho
Carne leitosa, amarelada e com má aderência aos ossos
Opérculo não oferece resistência à abertura
Guelras pálidas e/ou com presença de muco intenso e espesso
Órgãos internos manchados; odor ácido
Olhos fundos, opacos e sem brilho
Odor intenso, desagradável, característico de alteração

Teste para avaliar o frescor do pescado

Pressione os dedos sobre a carne do pescado, se a mesma demorar ou não retornar à posição original, o pescado já se encontra em algum estado de deterioração.
A carne do pescado deve ser elástica e firme.

Supervisão Geral do Abastecimento / ABAST
Maria de Lourdes
Maria de Lourdes

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário